serviSmart

Desenvolvimento WebLeiria
Perfil Básico

serviSmart

Somos uma empresa de tecnologia que atua nas áreas do desenvolvimento Web e Mobile, Marketing Digital e fornecemos serviços de E-mail. Estamos no mercado há mais de um ano, tendo realizado diversos projetos nacionais como internacionais. Algumas das nossas áreas estão representadas no Grupo BNI Liderança. O nosso grande objetivo é que os nossos clientes tenham um bom retorno com o investimento realizado. No caso dos Web Sites tentamos sempre otimiza-los para serem encontrados no motor de busca da Google e serem totalmente adaptados para os dispositivos móveis, tendo um especial cuidado com a velocidade de carregamento das páginas.
Informação validada
emailEndereço de e-mail
languageWebsite

Portefólio


Ver todas as fotografias e vídeos

Perguntas e respostas

Em que informações deve um ou uma cliente pensar acerca do projecto que quer realizar antes de falar com profissionais?
Saber o que exactamente este quer e evitar ser vasto. Falar de todos os detalhes iniciais, evitando assim perda de tempo para ambos as partes e conseguir assim um projeto consistente.
Que formação e experiência tem relacionadas com a sua actividade?
Operador de Informática, Técnico de Informatácio, CET Desenvolvimento de produtos Multimédia e Licenciatura Multimédia, Licenciatura eng informática e formação de formadores.
Que conselhos daria a alguém que quer contratar profissionais do seu sector? Há algo fundamental a ter em conta?
O cliente tem uma proposta com ideia fixas para uma entidade desenvolver. Muitas vezes ocorre no meio ou final do projeto, que o próprio cliente quer adicionar algo mais ao gosto dele. Nós como profissionais apresentamos sempre a melhor solução para a entidade tirar o máximo proveito do projeto, como também o aconselhamos. Todavia o cliente decide sempre colocar um toque mais pessoal, mas até que ponto é necessário? Vamos para um exemplo de um Site Web. O cliente pode não gostar de uma imagem, de um módulo, umas cores, ou outros e deseja alterar só por questões de gostos pessoais. Obviamente que o cliente tem sempre a última palavra, embora é necessário compreender que em muitos casos, um Web Site não é para o cliente em si, mas sim para os seus potenciais e futuros clientes que encontrarão a página. Se da forma que o cliente do projeto não gosta, mas está a ter bons resultados, porque não manter?
Ver mais