Receba até 5 propostas de profissionais como Frederica Queiroz Colaço em poucas horas.

portfolio 1/1

Sobre Frederica Queiroz Colaço

Olá, o meu nome é Frederica, tenho 18 anos e adoro crianças. Tenho imenso jeito e bastante experiência, desde bebes a crianças ate aos 11/12 anos. Tenho disponibilidade diária (todas as tardes) fins de semana e noites, sei cozinhar e tenho muita imaginação para brincadeiras, desde monster trucks a barbies e nenucos :) !

Gosto de fazer babysitting porque é um trabalho que nem parece trabalho, divirto me imenso com todas as crianças de que tomo conta e acho que eles se divertem também! Quando pequenina, tive uma babysitter que adorava, que ao contrário de algumas que tive mais tarde, era mais nova e mais divertida, e sendo filha única ela parecia minha irmã mais velha. É um pouco isso que gosto de transmitir às crianças, de que estou ali para passarmos um bom bocado quando os pais não estão, conversar com eles e brincar! E como todas as boas irmãs mais velhas, obrigar a tomar banho e comer a sopa toda!!

Email

Activo

Perguntas e Respostas

Descreva um projecto recente que tenha gostado de realizar. Quanto tempo durou a sua execução?

Recentemente, este verão, mais específicamente, tomei conta de quatro crianças todos os dias na praia e tenho a dizer que foi dos meus trabalhos preferidos. Senti uma verdadeira ligação com as crianças e com os pais, até presenciei/ajudei um pequeno a nadar pela primeira vez! Durou três semanas

Tem um modelo de pricing standard para os seus serviços? Se sim, descreva em seguida os seus detalhes.

Normalmente cobro 6euros por hora, mas sou bastante flexivel e este preço pode mudar dependendo de um leque variado de fatores, por exemplo - nº de crianças, idade das crianças, sítio, dia/noite etc . Poderei também estabelecer com a família outro método de pagamente sem ser à hora - por exemplo por por dia, semana ou mês.

Como é que começou a trabalhar nesta área profissional?

Desde pequena que adoro estar com crianças, disponilizando me sempre para tomar conta dos meus primos, irmãos, filhos de amigos dos meus pais, e fui alargando o espectro. Desde os 15 anos que trabalho como babysitter oficialmente.

Que conselho daria a um cliente que esteja à procura de contratar um profissional na sua área de trabalho?

O meu conselho mais pertinente seria talvez, conhecer as necessidades das suas crianças e descrevê-las a quem vai tomar conta delas, e modo a que possa haver uma ligação. Uma babysitter para uma criança é sempre mais do que é para os pais, é uma amiga que passa tempo com eles e que ajuda com trabalhos de casa e que brinca com eles. Diria também que é importante perceber se a pessoa com quem vão trabalhar, acima de tudo, gosta do que faz e não precisa simplesmente de dinheiro. Quem corre por gosto não cansa e acho isso muito importante com crianças.

Qual é o seu processo típico para trabalhar com um novo cliente?

O processo típico é normalmente uma conversa ao telfone com o pai ou a mãe, subsequentemente um encontro num sítio agradável, como um jardim ou café apenas com os pais/mães, e por fim conhecer a criança, a casa etc. Acho importante haver também muita honestidade, em relação à disponibilidade e não fazer promessas que não consiga cumprir. Deixar os pais saber sempre com que contar ao trabalhar comigo.

Com que tipos de clientes é que já trabalhou anteriormente?

Já rabalhei com mães solteiras, pais solteiros, duas mamãs e dois papás. No que toca a famílias já trabalhei com muitas pessoas e cada um foi uma experiência diferente e interessante. Ja trabalhei com bebes e crianças pequenas, rapazes e raparigas, crianças mais velhas e pré adolescentes.

A processar...

Tem a certeza de que quer desistir de publicar este pedido? Já respondeu a das questões.