Receba até 5 propostas de profissionais como Conservaçao ao Quadrado em poucas horas.

Veja as 5
Fotografias
portfolio 1/5  - Pormenor de um restauro portfolio 2/5  - Fachada Palácio da Pena portfolio 3/5  - Alteração na interface vidrado chacota portfolio 4/5  - Estação de Elvas portfolio 5/5  - Igreja de São Vicente na Guarda

Sobre Conservaçao ao Quadrado

A C2 - Conservação ao quadrado - pretende afirmar-se pela diferença. Sabendo que a oferta de serviços em Portugal na área da Conservação é vasta e heterogénea, não temos um discurso de revolução. Queremos antes reanimar as relações pessoais, as memórias e os valores simbólicos transmitidos pela memória colectiva do objecto.

A C2 pretende consegui-lo através do enfoque em duas vertentes: primeiro, no respeito pela nobreza dos materiais e técnicas ancestrais usadas nos bens, aliado a uma abertura e disponibilidade em usar novos métodos e materiais, mantendo-se informada e actualizada sobre a constante inovação nas correntes éticas da conservação e das novas metodologias.

Por outro lado, numa clara referência ao respeito pelos bens manuseados, pretende cultivar uma relação de respeito e solidariedade com as pessoas com quem lidamos, que manuseiam e trabalham com bens culturais, e estimar e incentivar as pessoas competentes e apaixonadas pelo seu trabalho.

Credenciais

  • Alvará de Construção

  •  

Email

Activo

Perguntas e Respostas

Descreva um projecto recente que tenha gostado de realizar. Quanto tempo durou a sua execução?

Breve currículo colectivo dos membros pertencentes à C2 e um conjunto de fotos variadas.

•Mercado de Vila Franca de Xira (CMVFX)

•Palácio de São Clemente, Rio de Janeiro

•Três esculturas pertencentes ao Buddha Bar em Lisboa

•Cripta do antigo Convento do Santissimo Sacramento (MNE)

•Diversos painéis pertencentes ao Museu de Évora

•Silhares enxaquetados no Corredor dos Confessionários, Convento de Cristo (IPPAR)

•Igreja de Nossa Senhora da Represa (IPPAR)

•Pavimento do Coro-alto do Mosteiro dos Jerónimos (IPPAR)

•Quarto do D. Sebastião, no Palácio da Vila em Sintra (IPPAR)

•Espólio azulejar localizado no Cruzeiro do Convento de Cristo (IPPAR)

•“O Cristo dos Pescadores”, da autoria de Hein Semke, pertencente à Fundação Mário Soares

•Fachada da Casa da Juventude de Matosinho, sob orientação do Arquitecto Álvaro de Siza Vieira

•Igreja de Marvila, em Santarém (DG MEN)

•Palácio da Pena (DGPC)

Ver o nosso site em para mais informações.

Tem um modelo de pricing standard para os seus serviços? Se sim, descreva em seguida os seus detalhes.

Depende de cada caso, a sua avaliação e o que é pretendido pelo cliente.

Como é que começou a trabalhar nesta área profissional?

Após formação superior e longa experiência profissional adquirida nas principais empresas do sector do restauro.

Que conselho daria a um cliente que esteja à procura de contratar um profissional na sua área de trabalho?

Importante pedir orçamentos detalhados e com preços decompostos. Explicitar o que está e não está incluído de modo a não ser surpreendido por trabalhos a mais (no caso do cliente) e trabalhos a menos no caso do executante.

Que curso(s) e/ou formação possui relacionados com o seu trabalho?

Licenciatura e Mestrados em Conservação e Restauro. Outras formações complementares à área.

Qual é o seu processo típico para trabalhar com um novo cliente?

Analise do que é proposto e o seu estado de conservação, entrega de proposta e intervenção.

Que questões deve um cliente pensar antes de falar com um Profissional sobre o seu projecto?

Tipo de intervenção e objectivos.

Com que tipos de clientes é que já trabalhou anteriormente?

Para clientes privados (donos de obras, construtoras e gabinetes de arquitetos) e instituições publicas.

A processar...

Tem a certeza de que quer desistir de publicar este pedido? Já respondeu a das questões.