Custo de psicologia criminal na Zaask 20€ - 70€ /h

Preços com base na média nacional

A psicologia criminal é um ramo de especialização da psicologia jurídica e tem como objecto de estudo e trabalho os comportamentos desviantes e criminosos dos indivíduos. Os e as profissionais que praticam psicologia criminal podem actuar em diversos campos e funções bem distintas. É possível encontrá-los em tribunais a dar parecer especialista sobre testemunhos, relatórios e fotografias de cenas de crime; a dar apoio psicológico a vítimas e pessoas envolvidas em processos jurídicos; ou, por exemplo, a fazer um trabalho de reabilitação social de indivíduos em prisões.

Tendo em conta que o trabalho de psicologia criminal pode variar muito, o valor do serviço dependerá da especialização dos profissionais e das entidades que os contratam. Tribunais, advogados ou familiares de vítimas são exemplos da variedade de contratantes que podem recorrer à psicologia criminal para processos jurídicos casos ou outro tipo de acompanhamento. Portanto, o preço da sessão ou hora pode variar muito. Normalmente os valores praticados por hora estão entre os 20€ e 70€, sendo que, em média, uma hora pode custar 45€.

Especialização dentro da psicologia criminal

Quem escolhem o ramo da psicologia criminal pode ter formação em psicologia, medicina, direito, criminologia e outros ramos. Na prática, estas pessoas podem exercer uma variedade de funções dentro das áreas de exames periciais, intervenção clínica e consultoria. Uma vez que o trabalho diverge de uma área para outra, os preços também variam. Na lista abaixo, veja exemplos de funções desempenhadas em psicologia criminal.

Realização de exames periciais

Nesta vertente mais judicial, o trabalho está focado sobretudo na avaliação de indivíduos, quer sejam vítimas ou criminosos. As diligências periciais podem ser pedidas por órgãos judiciais ou por outro tipo de entidades, como advogados, vítimas e familiares. É um serviço prestado em processos jurídicos, sendo que o trabalho pode passar pela avaliação psicológica dos envolvidos num julgamento (ofensores, vítimas e testemunhas); análise de danos psicológicos; elaboração de perfis psicológicos; realização de contra-perícias; trabalho com famílias (por exemplo, em casos de divórcio e determinação do direito da guarda parental); etc.

Psicologia criminal como intervenção clínica

Nesta área de intervenção, o trabalho da psicologia criminal é semelhante à ideia generalizada que se tem dos psicólogos: a imagem de um terapeuta e um paciente num ambiente de consultório. Nesta vertente, o trabalho é realizado directamente com um indivíduo e pode ser requisitado em diferentes situações. É possível contratar os serviços de profissionais para dar assistência psicológica a vítimas de crimes e acidentes; assim como para trabalhar em instituições de reabilitação e reinserção social de indivíduos em prisões, centros de detenção juvenil, casas de acolhimento, entre outros; o trabalho destes profissionais também pode passar pela elaboração de planos e implementação de programas de prevenção e reabilitação de comportamentos desviantes e criminosos.

Trabalho de consultoria

Estes profissionais de psicologia podem ser contratados para fazer consultoria, ou seja, prestar assistência psicológica e até jurídica em processos jurídicos. Nesta vertente, o trabalho pode centrar-se em acompanhar processos em tribunal, avaliando e prestando informações que ajudem a resolver ou construir um caso mais forte; ou pode caracterizar-se de forma mais teórica, quando se restringe à realização de estudos e inquéritos.

Procura psicologia criminal para o seu próximo projecto?
Agora que tem uma ideia dos preços vamos encontar o profissional certo para si!

Como sabemos estes preços?
Todos os anos, milhares de pessoas procuram profissionais na Zaask para os seus projectos. Monitorizamos os orçamentos dos profissionais e partilhamos essa informação consigo.
25k Projectos mensais
+400k Orçamentos dados
15k Profissionais que orçamentaram