Receba até 5 propostas de profissionais como João Vinagre em poucas horas.

Veja as 4
Fotografias

Sobre João Vinagre

O "Site Na Mão" integra um conjunto de profissionais que abrange várias áreas do conhecimento técnico e artístico.

Fazemos sites profissionais (com estruturas premium).

Partimos sempre de um ponto de partida que é saber o que o cliente precisa e fazemos um site a pensar nisso mesmo. Seja fazer um novo ou remodelar um já existente. Como serviços complementares ao site temos a produção de fotografia e vídeo.

Os nossos clientes são:

empreendedores

empresas

particulares

Alguns exemplos feitos:

Website

Verificado

Linkedin

Verificado

Telefone

Válido

Email

Activo

Qualificação de perfil

Perfil Bronze

Avaliações

2 Avaliações
Filipa Andersen 23 Fev, 2016 Trabalho realizado fora da Zaask
Os serviços de video, fotografia e webdesign de João são para mim uma excelência já que ele além de ser super profissional no que faz, é uma pessoa honesta, coerente e responsável!
Maria do Céu Vicente 17 Fev, 2016 Trabalho realizado fora da Zaask
Adorei o site que o João Vinagre criou para mim. O trabalho foi planeado em conjunto e ele teve em conta os meus requisitos. Mas também me deu recomendações e informações valiosas para implementar o meu negócio. Sempre que tive dúvidas fui esclarecidas e orientada. A formação que ele me deu para eu trabalhar individualmente no site foi altamente didática e facilitadora. A assistência que me fornece é sempre rápida e os conselhos que me dá têm sido preciosos. Recomenda-se!

Perguntas e Respostas

Descreva um projecto recente que tenha gostado de realizar. Quanto tempo durou a sua execução?
Gosto de quase todos até porque acabam por ser processos de criação diferentes uns dos outros, mas um deles foi o "quintadavo.com". Em muito pouco tempo ficou definido o "Como", "Quando" e "Porquê" dos objetivos que o cliente tinha em relação ao site. A execução correu tão bem e que tive o cliente a elogiar-me por ter acertado em cheio na visão que ele tinha, na reunião de apresentação do site novo. Foi gratificante.
Tem um modelo de pricing standard para os seus serviços? Se sim, descreva em seguida os seus detalhes.
Não tenho um propriamente um modelo de pricing standard porque as necessidades variam muito e as horas de trabalho associadas também. O preço mais baixo é de €499 e pode chegar até €1999. É usual, pelo trabalho de assistência técnica, consultoria continuada ao longo do ano para adaptação do site às circunstâncias do mercado, assistência gráfica e edição de conteúdos ou até burocracias, poder cobrar um valor mensal que pode ir de 35€ a 99€. Também tenho serviço de alojamento e domínios (cobrados apenas anualmente).
Como é que começou a trabalhar nesta área profissional?
Comecei por fazer uma licenciatura em Design Visual que terminei em 1996. Comecei a trabalhar 3 dias depois. Comecei em design gráfico a paginar revistas e transitei em poucos anos para web Design em 2001 (+-)
Que conselho daria a um cliente que esteja à procura de contratar um profissional na sua área de trabalho?
Para mim o cliente deve contratar alguém que seja competente, ético, que trabalhe em equipa com ele (cliente) de uma forma próxima para ambicionarem ter sucesso com o seu novo site, aconselhando-o naquilo que for possível, para que seja bem desenhado. A pessoa contratada deve assumir que se não sabe alguma coisa, vai procurar a solução para ajudar o cliente. A pessoa contratada deve ter também um feitio compatível com a equipa do cliente para que tudo corra pelo melhor, visto que há sempre "milhares" de pormenores a discutir :) Um profissional que se ache um "génio" mas um feitio difícil (por mais genial que seja) só vai fazer a vida negra ao cliente e criar entropia em todo o processo. Eu sei que estamos a falar de sites MAS fazer sites implica muitas horas de trabalho e relação humanas e ideias bem definidas na mesma direção. A linguagem entre as pessoas deverá ser absolutamente sem fricção.
Que curso(s) e/ou formação possui relacionados com o seu trabalho?
Tirei licenciatura no IADE (Lisboa) em 1996 em Design Gráfico. Daí atualizei-me com muitos cursos, nos últimos anos (online) para me manter sempre atualizado que é coisa que faço com muita regularidade. Faço-o não só por mim mas para poder ajudar o cliente. Já estudei Design Thinking, gestão de redes sociais, User Interface, User Experience, marketing, noções de google analytics, SEO e outros de matéria mais técnica. Tudo para estar sempre com uma visão 360º.
Qual é o seu processo típico para trabalhar com um novo cliente?
1º sou todo ouvidos e ouço o que tenho a ouvir para perceber o contexto. Depois o que faço, é saber mais pormenores e questionar também, por exemplo: o que é que os clientes do novo cliente precisam. Muitas vezes destas e de outras perguntas descobrem-se caminhos e soluções até antes não pensadas. Muitas vezes o cliente fica apaixonado pelo que imaginou na sua cabeça mas é inadequado para a realidade dos clientes dele (já aconteceu mais do que uma vez). Basicamente o que pretendo com estes processos é poder desenhar algo que sirva MESMO ao cliente. Eu trabalho em todos os pormenores para que o cliente tenha sucesso naquilo que imaginou.
Que questões deve um cliente pensar antes de falar com um Profissional sobre o seu projecto?
Em primeiro lugar, deve saber que tipo de site gostava de ter: institucional, loja, blog, etc. Depois deve saber os resultados que gostava de alcançar ao mudar para um site novo (o ponto B): vender mais um certo produto, serviço? Dar a conhecer apenas o conteúdo do site? Melhorar a sua imagem? Isso ajuda imenso no desenho de um novo site, porque o site será desenhado para provocar uma atitude de quem o consulta. Que tipo de interação gostava que as pessoas tivessem com o site? Que quer que as pessoas pensem quando virem o site dele? É um site mais interativo ou mais passivo/informativo? Quer um site com ou sem atualizações constantes? Eu também posso ajudar a definir uma série de pormenores.
Com que tipos de clientes é que já trabalhou anteriormente?
Por conta de outro, já fiz trabalhos para multinacionais, marcas de lingerie, EPAL, automóveis (Honda), Bayer, para Angola, para Macau, etc, isto é, clientes que envolvem decisões políticas que afetam a direção do design de um site. Também já trabalhei como é evidente com empresas sem essa pressão política mas apenas com o objetivo de melhorar as vendas, ou ter simplesmente melhor cara online e nas redes sociais.

A processar...

A processar...