A verdade é que viver com outras pessoas é difícil, mesmo que sejam aqueles que mais se gosta no mundo. Construir e gerir uma boa dinâmica de família demora algum tempo, e pressupõe bastante paciência e prática. Manter todos os membros da família felizes não é uma tarefa fácil – especialmente se tiverem de viver, diariamente, debaixo do mesmo tecto. Há alturas em que é preciso gerir conflitos e que os diferentes indivíduos que constituem a família não estão alinhados. O coaching familiar vai tentar perceber as relações entre os membros da família, ajudar nas dificuldades parentais e tentar empatizar com as necessidades e mudanças das crianças e adolescentes nas diferentes idades. 

coaching familiar

Mas o que é, realmente, o coaching familiar? 

O coaching familiar segue os mesmos conceitos básicos que todos os outros tipos de coaching: guiar uma pessoa de onde ela está para até onde quer estar – neste caso será uma família. Tal como o coaching executivo, que deve ser elaborado de forma a restruturar uma equipa ou dar aconselhamento a um gestor ou a uma gestora sobre formas eficazes de comunicação, o coaching familiar irá ter esta abordagem, mas na esfera familiar. Assim, o objectivo é ajudar a descobrir quais são os problemas na família e que mudanças podem ser feitas para que se alcance um ponto ideal e feliz para todos e todas. 

Em que situações é vantajoso procurar este serviço? 

O coaching familiar tentará, assim, dar assistência aos pais e mães para saberem encontrar a melhor forma de educar, lidar e relacionar-se com as crianças, bem como para promover uma comunicação mais eficaz, honesta e de confiança entre todos os membros da família. 

Este serviço também é comumente procurado num caso de separação do casal, por exemplo, de forma a que os danos sejam minimizados para as crianças ou adolescentes e de forma a que exista uma maior compreensão e leveza neste assunto. 

Novos desafios parentais (como a chegada de um novo membro da família, um caso de acidente ou doença de um dos filhos ou filhas), gravidez ou parentalidade na adolescência, prevenção para o abandono escolar, gestão de stress ou de raiva, comunicação ineficaz ou indisciplina podem ser algumas das questões que podem ser abordadas nas sessões de coaching familiar. 

coaching familiar

Como funcionam as sessões de coaching familiar?

No coaching familiar, o ou a coach e a família definem objectivos e um plano de acção para todos os membros, de forma a potenciar uma série de competências de comunicação positiva, da valorização das características de cada um, do respeito e da cooperação.

Neste tipo de sessões, o plano de acção e as ferramentas necessárias para a resolução do problema são descobertas pelos próprios elementos da família. Isto é, o ou a coach dirige a sessão através de perguntas poderosas (ou até dinâmicas mais activas como pequenos jogos ou desafios) em que os indivíduos terão de pensar e reflectir. Ao encontrarem as suas próprias soluções, a implementação das mesmas será facilitada e, provavelmente, mais eficaz.

coaching familiar

No fundo, as sessões de coaching familiar pretendem dar às famílias as técnicas e ferramentas para resolverem conflitos, chegarem a um compromisso e, de preferência, transformar uma conjuntura de vida familiar mais complicada numa situação mais confortável para todos os membros.